Home Impacto evangelístico Cura e evangelismo na fronteira do México com os Estados Unidos

Cura e evangelismo na fronteira do México com os Estados Unidos

22
evangelismo_México
Foto: AG News

W. Michael McGee percorreu 11 dias e 3 mil quilômetros na fronteira do México com os Estados Unidos para levar o evangelho. “O Senhor disse, pelas minhas pisaduras vocês foram curados”, declarou

Na fronteira entre México e Estados Unidos está havendo cura e evangelismo através da obra de um missionário. O missionário W. Michael McGee, das Assembleias de Deus dos EUA, percorreu 11 dias em quatro estados americanos que fazem fronteira com o México para levar o alimento espiritual.

Foram 3 mil quilômetros em uma viagem, que foi concluída em maio e 39 paradas. Seu plano inicial era ministrar para crianças imigrantes. Mas ele acabou tocando também a vida de policiais, que são os agentes da patrulha dos EUA.

“O Senhor disse, pelas minhas pisaduras vocês foram curados. Isso era parte da interrupção divina para trazer cura à corrupção e ilegalidade ao longo da fronteira”, diz McGee segundo a Assembleia de Deus dos Estados Unidos.

Ao longo da rota, por onde passou, McGee se encontrouy com 28 pastores de distritos hispânicos e distribuiu uma dúzia de edições de bíblias a agentes de patrulha da fronteira.

Estresse e desânimo na fronteira

Agentes estão sob pressão, com o número crescente de encontros de migrantes este ano. As autoridades interceptaram 180.034 pessoas nas fronteiras em maio, o maior total mensal desde 2000. Em junho, ainda mais migrantes – 188.829 – procuraram atravessar a fronteira.

evangelismo_México
Foto: AG News

Um dos motivos para o aumento é o afrouxamento das restrições desde que o presidente Biden assumiu o cargo em janeiro. Em maio o governo começou a permitir isenções humanitárias para migrantes que alegavam estar em perigo por serem gays em seus países de origem.

McGee diz que muitos agentes confessam se sentirem desanimados e confusos sobre seus papéis. “Nós nunca tivemos uma crise tão grande na parte do sul de nossas fronteiras como temos agora,” diz Cozart um chefe aposentado de agentes de patrulha da fronteira.

“Os agentes não estão autorizados a aplicar as leis legais nos livros, isso pode ser bem estressante. “Esses homens e mulheres precisam de alguém para chegar até eles e oferecer ajuda espiritual, e é isso que ‘soldado Mike’ está fazendo”, disse Rick Reyes, pastor do templo Betel, em Pharr,Texas.

*Com informações de AG News

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here